Lula lidera intenções de voto na Bahia, com 63%, em Pernambuco, com 54,3% e Ceará com 44,4%

Lula lidera intenções de voto na Bahia, com 63%, em Pernambuco, com 54,3% e Ceará com 44,4%

O ex-presidente Lula (PT) é disparado o preferido pelos nordestinos, o segundo maior colégio eleitoral do País, com mais de 40 milhões de eleitores, para ser o próximo presidente da República, revelam pesquisas realizadas nos últimos dias na Bahia, em Pernaumbuco e no Ceará.

Na Bahia, na simulação estimulada, quando o entrevistador mostra um cartão com os nomes dos candidatos, se as eleições fossem hoje, o petista venceria no primeiro turno, com 63% dos votos, de acordo com pesquisa Pesquisa Genial/Quaest, divulgada nesta quarta-feira (18).

Leia mais: Liderança da Bahia no ranking do desemprego revela efeitos de um país desordenado

Em segundo lugar e bem distante, está o  presidente, Jair Bolsonaro (PL), com 17% das intenções de voto; seguido pelo ex-governador do Ceará Ciro Gomes (PDT), com 5%, o ex-governador de São Paulo João Doria (PSDB), com 2%, e o deputado André Janones (Avante), também com 2%. A pré-candidata Simone Tebet (MDB) tem apenas 1% das intenções de voto.

Brancos e nulos chegam a 7%, disseram estar indecisos sobre a escolha outros e 3%. Com isso, Lula poderia obter 70% nos votos válidos na Bahia.

Em Pernambuco, Lula também sai na frente com 54,3% das intenções de voto, segundo pesquisa reallizada pelo instituto Paraná Pesquisas, divulgada nesta terça-feira (17).

Em segundo lugar vem Bolsonaro (PL), com 26% dos votos, seguido por Ciro (5,2%), Doria e Janones, ambos com 1,1% das intenções cada; Tebet, com 0,1% dos votos, Pablo Marçal (Pros), 0,5%, e Luciano Bivar (União Brasil), marca 0,2%.

No Ceará, pesquisa do Paraná Pesquisa divulgada no início de maio, também mostra o ex-presidente Lula na liderança da intenção de voto do eleitorado cearense, com 44,4%. Bolsonaro aparece em segundo lugar, com 25,8%. Ciro tem 14,4%, e Janones (Avante) tem 1,8%.

Doria amarga 0,6%; Vera Lúcia (PSTU), 0,4%;  Tebet (0,3%); Luiz Felipe d’Avila (Novo), tem 0,2%;  Bivar (0,1%) e Eymael (DC) não pontuou.

Metodologia das pesquisas

Na Bahia, o levantamento Genial/Quaest foi realizado entre os dias 13 e 16, com 1.140 entrevistas presenciais domiciliares em 74 municípios.

A margem de erro é de 2.9 pontos percentuais com 95% de nível de confiabilidade.

A pesquisa está registrada no TSE sob o número BR-02283/2022 e BA-03239/2022.

Em Pernambuco, o Instituto Paraná Pesquisas entrevistou 1.510 eleitores em 60 municípios pernambucanos entre os dias 10 e 14.

A margem de erro é de aproximadamente 2,6% e o nível de confiança é de 95%.

A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-03176/2022