Gustavo Gayer desiste de candidatura a prefeito, e Fred Rodrigues foi indicado

Gustavo Gayer desiste de candidatura a prefeito, e Fred Rodrigues foi indicado

Cassado no TSE, Fred Rodrigues também pode ser inviabilizado como candidato do PL em Goiânia

O pré-candidato à Prefeitura de Goiânia, Gustavo Gayer (PL), desistiu da disputa e o partido anunciou Fred Rodrigues no lugar. A pré-candidatura de Rodrigues foi divulgada na manhã desta quarta-feira, 19, no comércio da Região da 44, em frente à Rodoviária de Goiânia. No palanque, estava o ex-presidente Jair Messias Bolsonaro para confirmação de seu pré-candidato na Capital.

Com a desistência de Gustavo Gayer, o ex-deptuado Fred Rodrigues (PL) é cotado para assumir o seu lugar como representante do bolsonarismo na sucessão municipal. Há um entrave nesta decisão, como teve o diploma de vereador cassado pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral), levando também a cassação de seu diploma de deputado estadual. Pela legislação eleiotoral, como a decisão do TSE versa sobre o seu mandato de vereador que termina ao final de  2024, levando também à perda do mandato de deputado estadual que vai até 2026, Fred Rodrigues está virtualmente inelegível para o pleito deste ano em Goiânia.

A cassação se deu no dia 15 de dezembro do ano passado por seis votos a sete os ministros do Tribunal Superior Eleitoral votaram favoráveis à cassação do deputado estadual Fred Rodrigues (DC). Isabel Gallotti, Alexandre de Morais, Kassio Nunes Marques, Carmén Lúcia, André Ramos Tavares e Raul Araújo Filho votaram pelo indeferimento da candidatura do deputado por ele não ter prestado contas eleitorais.

A cadeira de Fred Nascimento foi ocupada por Cristóvão Tormin, do Patriota, ex-prefeito de Luziânia.